terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Alimentação saudável - importância do pequeno-almoço


Começar o dia com um bom pequeno-almoço é a melhor forma de restabelecer os seus níveis de energia, aumentar a atenção e elevar o sentido de humor e bem-estar. 
Está cientificamente demonstrado que o pequeno-almoço contribui para a manutenção de um peso e metabolismo saudáveis e é importante para atingir as doses diárias recomendadas de alguns nutrientes.
Apesar de ser importante em todas as idades, esta refeição é ainda mais importante nas crianças já que ajuda à concentração e a um melhor desempenho intelectual.

Pequeno-almoço para quê?...

É a primeira refeição depois de muitas horas em jejum, pelo menos 8 horas. Mesmo em repouso o organismo gasta energia para realizar ações fundamentais à manutenção da vida.
Regular a glicemia após jejum de muitas horas
Durante a noite o organismo é sujeito a um longo período de jejum. Como consequência disso há uma diminuição da glicemia (açúcar no sangue).
Para prevenir que essa diminuição chegue a uma situação de hipoglicemia o organismo possui mecanismos que a evitam. No entanto, fá-lo com recurso, principalmente, às reservas de glicogénio (uma das formas de armazenamento dos hidratos de carbono). Por isso, os primeiros alimentos do dia são importantes para restabelecer os níveis de glicemia e as reservas de glicogénio fundamentais para o fornecimento de energia.
Principalmente após um jejum prolongado deve evitar ingerir alimentos doces ou ricos em açúcares simples.

Se saltar o pequeno-almoço sentirá fome muito mais cedo e comerá antes do almoço sendo que, geralmente, as escolhas nestas alturas acabam por recair em alimentos ricos em açúcar e gordura. Esta situação afeta todo o seu dia alimentar através da desregulação dos horários das refeições, das quantidades e tipo de alimentos ingeridos.

Estes são os nutrientes que deve valorizar logo na primeira refeição:
- Cálcio
- Fibra 
- Vitaminas

Sem comentários:

Publicar um comentário